VIDRAÇARIA WG

NOITE DE TERROR! Missionário é confundido, perseguido e baleado em Santo Antônio de Jesus

Na noite desta terça-feira (06/12), a cidade de Santo Antônio de Jesus viveu um verdadeiro caos. Na Rua Wellington Figueiredo, Bairro São Benedito, houve tiroteio entre meliantes. Após um grupo correr em direção a Rua São Francisco, os delituosos que vinham atrás atirando, abordaram um missionário identificado como Luan Santos que estava indo em direção ao local utilizado por evangélicos para fazer oração.

Mesmo ele afirmando que era missionário, os criminosos atiraram em direção da sua cabeça, o mesmo colocou a mão na frente e foi atingido no pulso. O missionário continuou sendo perseguido e só não foi morto porque os moradores gritaram de suas casas: “Não mata o missionário pelo amor de Deus”. Em seguida o grupo seguiu para a Rua São Francisco onde incendiou um carro.

Conforme informações apuradas pelo Tribuna do Recôncavo, uma mulher de identidade ignorada foi alvejada por disparos de arma de fogo no Alto Santo Antônio. O missionário Luan Santos foi encaminhado para o Hospital Regional e não corre risco de morte. Fonte: Tribuna do Recôncavo.

Itabuna: Fernando Gomes tem recurso deferido e é declarado prefeito eleito

Itabuna: Fernando Gomes tem recurso deferido e é declarado prefeito eleito
Foto: Francis Juliano / Bahia Notícias
O ex-prefeito de Itabuna, no sul do estado, Fernando Gomes (DEM) teve o recurso deferido pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA) e obteve o registro da candidatura para voltar à administração municipal. A decisão ocorreu na manhã desta quarta-feira (7) e foi confirmada pela assessoria do órgão. Gomes, que teve a maior votação, aguardava a definição por ter a candidatura indeferida no pleito de outubro. Com a decisão do TRE-BA, o ex-prefeito foi declarado prefeito e deve tomar posse no próximo dia 1º de janeiro.

STF deve fechar acordo para manter Renan na presidência do Senado e contornar crise

STF deve fechar acordo para manter Renan na presidência do Senado e contornar crise
Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil
O Supremo Tribunal Federal (STF) deve fechar acordo com o Senado para manter Renan Calheiros (PMDB-AL) na presidência da Casa. No julgamento da liminar concedida pelo ministro Marco Aurélio que afasta o peemedebista do cargo, nesta quarta-feira (7), o ministro Dias Toffoli deverá apresentar voto favorável a Renan. O argumento é que o senador não poderia assumir a Presidência do país na ausência de Michel Temer, por ser réu, mas essa condição não o impediria de permanecer no cargo em que está. De acordo com a colunista Mônica Bergamo, outros quatro votos acompanharão Toffoli: o do decano do STF, Celso de Mello, que poderá dizer que já foi decidio algo nesse sentido, quando se discutiu se um político réu poderia pernaecer em cargo que está na linha sucessória; Ricardo Lewandowski, Luiz Fux e Teori Zavascki. Há a possibilidade de até mesmo a presidente da Corte, Cármen Lúcia, seguir a debandada. Com isso já seria formada a maioria para livrar Renan do afastamento. Gilmar mendes não estará na sessão e Luis Roberto Barroso já se declarou impedido de votar, já que um dos advogados da causa já trabalhou com ele. 

Indígenas realizam manifestação na Avenida Paralela contra PEC 215

Indígenas realizam manifestação na Avenida Paralela contra PEC 215
Foto: Reprodução / Transalvador
Um grupo de índigenas realizou manifestação na Avenida Paralela na manhã desta quarta-feira (7). Segundo informação da Central de Polícia, o protesto começou por volta das 7h e foi encerrado por volta das 8h30. Segundo informações da Transalvador, os integrantes do protesto bloquearam a via em frente ao acesso ao Centro Administrativo da Bahia (CAB), próximo ao Colégio Estadual Bolívar Santana. O trânsito ficou congestionado durante o ato e o trânsito foi desviado para o CAB, próximo ao viaduto Canô Veloso. Segundo informações  do jornal A Tarde, os manifestantes carregavam cartazes contra a PEC 215, que tramita na Câmara dos Deputados e transfere para o Congresso a decisão final sobre a demarcação de terras indígenas, territórios quilombolas e unidades de conservação no Brasil – até então, competência restrita ao Poder Executivo, por meio de órgãos técnicos.

‘Caso VR3’: FBF diz que Brasileirão 2017 poderá não acontecer se STJD não arquivar a ação

‘Caso VR3’: FBF diz que Brasileirão 2017 poderá não acontecer se STJD não arquivar a ação
Foto: Jefferson Peixoto/Ag. Haack / Bahia Notícias
Por meio de nota oficial, a Federação Bahiana de Futebol (FBF) se manifestou nesta quarta-feira (7) sobre o “Caso Victor Ramos”. De acordo com a entidade, o Campeonato Brasileiro 2017 corre o risco de não acontecer, caso o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) não arquivar a denúncia do Internacional. O clube gaúcho entrou com uma ação na qual acusa o zagueiro do Vitória de ter atuado irregularmente no certame nacional. “A FBF não espera outra posição do STJD a não ser o arquivamento imediato do caso. Qualquer medida contrária a essa linha, que segue a lei desportiva, o Campeonato Brasileiro 2017 será prejudicado e pode não acontecer”, diz o trecho da nota. A FBF ainda garantiu que Victor Ramos reúne condições legais. “A Federação afirma que a condição regular do atleta foi dada pela CBF. A FBF consultou a entidade máxima do futebol nacional ainda no Campeonato Baiano de 2016. Com a sinalização positiva da Diretoria de Registro e Transferência, Victor Ramos foi liberado para atuar no Estadual. Logo depois, atuou nas demais competições da temporada de forma regular e sem nenhum tipo de problema: Copa Sul-Americana, Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro”, diz outra parte do comunicado.

SAJ: Moradores vivem pânico após grupo atirar em ruas e atear fogo em carro

SAJ: Moradores vivem pânico após grupo atirar em ruas e atear fogo em carro
Uma situação de pânico tomou ruas de Santo Antônio de Jesus, no Recôncavo, na noite desta terça-feira (6). Bandidos armados atiraram para cima em locais da cidade. Um veículo foi incendiado na Rua São Francisco, no Bairro São Benedito. Por conta dos ataques, uma mulher e um homem ficaram feridos. Não há mais informações sobre o estado de saúde deles. Segundo o Blog do Valente, um bando com mais de 15 homens armados com metralhadora também disparou tiros no Bairro Alto de Santo Antônio. Algumas pessoas contaram que houve toque de recolher no bairro desde às 19h. Ainda segundo relato, os criminosos mandaram fechar porta de residências, afirmando que não iam atingir inocentes. Ainda não há informações sobre as causas da ação dos criminosos nem do paradeiro dos acusados. Uma foto foi repassada pelo aplicativo  WhatsApp, em que aparecem suspeitos com armas. Atualizado às 9h10.

Gasolina em Jequié chega a quase R$ 4 reais por litro

Gasolina em Jequié chega a quase R$ 4 reais por litroOs motorista de Jequié foram surpreendidos com o aumento abusivo dos combustíveis nos postos da cidade. A gasolina está sendo vendida em média de R$ 3,89 por litro, o óleo diesel já passa dos três reais e o álcool, que não teve reajuste divulgado pelo governo, também aumentou de preço. Quando a Petrobrás anunciou a redução no valor dos combustíveis essa redução não foi repassada para a bombas, diferente de quando é para majorar os preços. A Fecombustíveis ressalta que o mercado é livre e competitivo em todos os segmentos, cabendo a cada distribuidora e posto revendedor decidir se irá repassar ou não ao consumidor os maiores preços, bem como em qual percentual, de acordo com suas estruturas de custo e de forma a remunerar adequadamente seus investimentos. Informou que pesquisas de mercado indicam que postos de todo o país estão comprando gasolina e diesel mais caro de suas distribuidoras desde o final do mês de novembro, em decorrência do aumento dos custos impactados em toda cadeia. O diesel subiu 5,5%, ou cerca de 17 centavos de real por litro, e a gasolina, 3,4%, ou 12 centavos de real por litro.

Proposta de reforma da Previdência chega ao Congresso

Presidente Michel Temer diz que reforma da Previdência é indispensável
Presidente Michel Temer diz que reforma da Previdência é indispensável
O texto da reforma da Previdência, enviado ao Congresso pelo presidente Michel Temer vai estabelecer a idade mínima para a aposentadoria, 65 anos, tanto para homens quanto para mulheres.
Outros pontos da proposta, embora ainda não oficializados:
Idade mínima Homens e mulheres só poderão se aposentar com 65 anos – a mesma idade para os dois. E o tempo mínimo de contribuição passa a ser de 25 anos. As regras valem para o setor privado e também para o setor público.
Aposentadoria rural  Trabalhadores rurais também terão de contribuir para o INSS para pedir aposentadoria. Hoje, os trabalhadores rurais podem se aposentar sem nenhum tempo de contribuição.
Regra de Transição O governo garante que os direitos adquiridos serão preservados. Assim, quem já cumpriu as regras atuais para se aposentar poderá fazê-lo sem qualquer problema. E propõe uma regra de transição para homens com mais de 50 anos e mulheres e professores com mais de 45 anos de idade . Para esses trabalhadores, haveria um tempo adicional para a aposentadoria correspondente à metade do que ainda falta pelas regras atuais. Ou seja, se uma professora com 45 anos precisa, pelas regras atuais, trabalhar mais cinco anos para aposentar, precisará, a partir da aprovação da reforma, trabalhar por mais sete anos e seis meses para se aposentar.
Pensões e benefícios sociais Pensões por morte não serão mais pagas integralmente para o setor público. Serão reduzidas à metade, com acréscimo de 10% por dependente como ocorre no setor privado. Já os benefícios sociais não seguirão mais a política de reajuste do salário mínimo, com ganhos reais, e serão reajustados de acordo com a inflação. A idade para requerer o benefício passa de 65 para 70 anos.

Antonio Brito participa de oficialização do empréstimo para salvar a Santa Casa de SP

Brito

A Santa Casa de Misericórdia de São Paulo, a maior do Brasil, recebeu um novo fôlego para assegurar o seu funcionamento. Em cerimônia no Palácio do Planalto, nesta terça-feira (6/12), foi assinado, na presença do presidente da República Michel Temer, o contrato de estruturação financeira da instituição, com a liberação de R$ 360 milhões, por meio da linha de crédito Caixa Hospitais, da Caixa Econômica Federal (CEF). A entidade, que vem realizando aprimoramento da sua gestão, agora passa a contar com a ampliação do prazo de pagamento das operações de 84 para 120 meses, o que permite a renegociação ou quitação de dívidas bancárias e com fornecedores. Esta é uma conquista da Frente Parlamentar de Apoio às Santas Casas, Hospitais e Entidades Filantrópicas, presidida pelo deputado federal Antonio Brito, que tem lutado para que essas importantes instituições não fechem as portas por causa das dívidas contraídas ao longo dos anos. O contrato foi assinado pelo presidente da CEF, Gilberto Occhi e pelo provedor da Santa Casa de São Paulo, José Luiz Setúbal. Também participaram da cerimônia o ministro da Saúde, Ricardo Barros; o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin; o deputado federal Antonio Brito; o secretário de Saúde de São Paulo, David Uip; o vice-presidente da CEF, José Carlos Ferreira; o presidente CMB, Edson Rogatti; e representantes do setor filantrópico. Como continuidade das ações em prol das filantrópicas do país, a Caixa, juntamente com as federações estaduais irão promover eventos visando discutir o refinanciamento de dívidas das entidades. O primeiro ocorre em São Paulo, no dia 8 de dezembro; e o segundo em Salvador, no dia 12 de dezembro, às 14h, no Hotel Fiesta

Governo nomeia 51 novos delegados e escrivães

policia-civil-550x300
O Diário Oficial do Estado (DOU) edição desta quarta-feira (7/12) publica as nomeações de 51 novos delegados e escrivães para a Polícia Civil da Bahia. Estes novos servidores foram aprovados em concurso feito em 2013 para carreiras de delegado, investigador e escrivão. Na publicação constam os nomes dos 35 candidatos aprovados para o cargo de delegado e dos 16 que vão ocupar a função de escrivão. Em novembro, o governo nomeou 65 aprovados nos concursos para peritos do Departamento de Polícia Técnica (DPT). Também este ano, foram nomeados 411 agentes penitenciários.

Família de manicura jequieense divulga seu desaparecimento

Dica Oliveira saiu de casa para atender a uma cliente
Dica Oliveira saiu de casa para atender a uma cliente
Familiares da manicure jequieense Edilene Oliveira de Melo, 36 anos, casada, mãe de uma adolescente estão divulgando através do facebook e de outras mídias,  o seu desaparecimento desde as 9h da manhã de terça-feira (06/12). De acordo com as informações dos familiares, Dica Oliveira, como é mais conhecida, estava se preparando para ir à agencia do Banco do Brasil, em companhia do pai, quando recebeu um telefonema de pessoa não identificada até o momento solicitando os seus serviços profissionais. A jovem que reside na 3ª Travessa Capitão Silvino (ao lado do Colégio da Polícia Militar) no Joaquim Romão, saiu para atender ao chamado e, até as 9h30 ainda não havia mantido nenhum contato com a família. Os parentes afirmam que ela não tem costume de dormir fora de casa e não comunicar o local onde está. Preocupados eles apelam no sentido de alguém que tenha visto ou tenha alguma informação sobre o paradeiro de Dica, que entre em contato, no endereço citado ou pelo whatsapp.

Reforma da Previdência prevê aposentadoria aos 65 anos de idade

Reforma da Previdência
A proposta de Reforma da Previdência apresentada hoje (5) pelo governo estipula uma idade mínima de aposentadoria aos 65 anos para homens e mulheres. Atualmente, não há uma idade mínima para os trabalhadores se aposentarem. Eles podem pedir a aposentadoria com 30 anos de contribuição, no caso das mulheres, e 35 anos no dos homens. Para receber o benefício integral, é preciso atingir a fórmula 85 (mulheres) e 95 (homens), que é a soma da idade e o tempo de contribuição.  O presidente e a equipe econômica do governo conduzem neste momento uma reunião com os líderes da base aliada na Câmara e no Senado para apresentar o texto da reforma. A proposta será encaminhado ao Congresso Nacional na terça(6). O ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, pediu que os parlamentares façam o debate com os críticos à proposta durante a tramitação no Congresso. “Cito como curiosidade o primeiro regime previdenciário brasileiro em 1934 tinha idade mínima de 65 anos, que é a idade que está sendo proposta agora”, afirmou Padilha, ao abrir a reunião com os parlamentares. O ministro admitiu que o assunto é “árido” mas disse que as mudanças precisam ser feitas. O conteúdo da proposta ainda não foi divulgado pelo Palácio do Planalto.

Pesquise no Blog

 
Designed by Diogo.Designer