locutor da 95 FM de Jequié fala a favor de RSilva

Isaquias desfila em carro de bombeiro e é recebido por multidão em sua cidade

Isaquias desfila em carro de bombeiro e é recebido por multidão em sua cidade
Foto: Paulo Favero/ Estadão Conteúdo
Isaquias Queiroz voltou pela primeira vez para sua cidade, Ubaitaba, na Bahia, e desfilou em cima de um carro de bombeiro depois de conquistar três medalhas na Olimpíada do Rio. Logo que o veículo estacionou próximo da rodoviária, as pessoas foram se aglomerando na expectativa de ver o rapaz. Quando chegou, uma multidão já estava presente e ele teve até dificuldade de subir no carro de bombeiro. "Mais emocionante que ganhar medalha nos Jogos", disse o atleta emocionado.

Lá em cima, pegou suas medalhas, colocou no pescoço e posou para milhares de fotos. "É uma alegria muito grande". A cada esquina, era aplaudido pelas pessoas que queriam ver de perto o rapaz de 22 anos e suas três medalhas conquistadas na canoagem velocidade nos Jogos do Rio, duas de prata, no C1 1.000m e C2 1.000m, e uma de bronze, no C1 200m. Estima-se que mais de 2 mil pessoas estiveram presentes.

Isaquias ficou famoso no Brasil e no mundo por ser o primeiro brasileiro a conquistar três medalhas em uma mesma edição da Olimpíada e por ser o primeiro atleta da canoagem no mundo a subir três vezes no pódio na mesma edição dos Jogos. Mas em sua cidade, ele é visto como o garoto que lutou e deu certo.

Por todo canto, a prefeitura e o comércio local espalharam faixas com mensagens para Isaquias, como "garoto de ouro", "vocêé nosso campeão", orgulho de Ubaitaba", "somos todos Isaquias", entre outras. Os jovens que ainda participam do projeto social da Associação Cacaueira de Canoagem também estiveram presentes na homenagem.

Apesar da festa, algumas pessoas não se empolgaram tanto com o desfile em carro aberto por causa da entrevista polêmica que o rapaz deu a uma rádio local no dia anterior. Reclamou das pessoas que ficam fazendo fofoca de sua vida pessoal, mas pegou pesado no discurso. Alguns moradores se sentiram ofendidos e evitaram prestigiar o momento de celebração. Mas a maioria bateu palmas e tentou tirar foto de Isaquias no alto do carro de bombeiro.

Itabuna: Jovem denuncia médico do SUS por cobrar R$ 2.500 para fazer cesárea

Itabuna: Jovem denuncia médico do SUS por cobrar R$ 2.500 para fazer cesárea
Foto: Reprodução / Na Chapa Quente
Uma adolescente de 17 anos afirma que um médico obstetra da Maternidade Ester Gomes, em Itabuna, Litoral Sul, se negou a fazer uma cesariana pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Em entrevista ao portal G1, a gestante, que não quis se identificar, contou que o médico Luis Leite cobrou dela R$ 2.500 para fazer o procedimento. A mãe conta que na última segunda-feira (22) apresentou ao médico um laudo apontando que apresentava quadro de pressão alta, e precisava ser submetida a um parto cirúrgico. Ainda assim, Leite teria receitado uma medicação e liberado a paciente após ela se recusar a pagar pelo procedimento. O parto acabou sendo feito no Hospital Manoel Novaes na manhã destaterça-feira (23). Obebê, que ganhou o nome de Joaquim, teve complicações e segue internado na UTI da unidade. "Todo mundo está ciente de que não é a primeira vez que acontece. Vamos procurar o Ministério Público", prometeu. Procurado pela reportagem, o diretor administrativo da maternidade Ester Gomes, Denis Dias, disse que um processo administrativo será aberto pra apurar o caso. O médico e a família da adolescente devem ser ouvidos na próxima segunda-feira (29).

Uruçuca: Governo do Estado entrega sete novas viaturas para a Polícia Militar

Uruçuca: Governo do Estado entrega sete novas viaturas para a Polícia Militar
Fotos: Reprodução / GOVBA
O governador Rui Costa entregou sete novas viaturas caminhonetes, modelo Ranger, ao Comando de Policiamento de Uruçuca, Litoral Sul, nesta sexta-feira (26). O equipamento também beneficiará os municípios de Ilhéus, Itajuípe, Itacaré, Itapetinga e Maraú. De acordo com o governador, o investimento na aquisição de novas viaturas serve de apoio e estímulo às forças de segurança do Estado para a otimização do exercício de suas funções. "Estamos no processo de renovação das viaturas da polícia. Isso melhora as condições de trabalho de nossos policiais, o que representa uma maneira de contribuir para o fortalecimento da segurança pública", avaliou. O governador também inaugurou a Praça de Ciência e Tecnologia, o Ginásio de Esportes Talmo Régis Farias e a quinta Unidade Básica de Saúde da Família do município.

Bahia perdeu 7.285 postos de trabalho em julho, mostram dados do Caged

Bahia perdeu 7.285 postos de trabalho em julho, mostram dados do Caged
A Bahia perdeu 7.285 postos de trabalho no último mês de julho, de acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). Segundo o órgão, foram demitidos 53.264 trabalhadores com carteira assinada, enquanto 45.979 foram contratados, o que culminou neste saldo negativo. Os números do Caged apontam, ainda, que o setor de serviços teve o maior número de demissões, com 4.603 dispensados. Por outro lado, o setor da indústria de transformação foi o que mais contratou, empregando 1.163 trabalhadores com carteira assinada

PeNSE: Consumo de drogas lícitas e ilícitas crescem entre adolescentes

PeNSE: Consumo de drogas lícitas e ilícitas crescem entre adolescentes
Foto: Agência Brasil
O consumo de drogas lícitas e ilícitas aumentou entre os adolescente brasileiros, segundo dados da Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar (PeNSE), divulgada nesta sexta-feira (27) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (Ibge). De acordo com informações do jornal O Globo, o resultado da consulta, realizada com jovens entre 13 e 15 anos, concluintes do 9º ano em escolas públicas e privadas do país, indica que 55,5% deste público já experimentou bebidas alcoólicas – em 2012, esse percentual era de 50,3%. Entre as meninas a taxa é maior, de 56,1%, na comparação com os meninos (54,8%). Nas capitais nordestinas, Salvador lidera, com 30,3%, considerando o tópico que questionava o consumo de bebida alcoólica pelo menos uma vez no último mês. O mesmo vale para o consumo de bebidas pelo menos uma vez na vida (72,1%). Em relação às drogas ilícitas, o índice também aumentou de 7,3% para 9%. O acesso às bebidas é realizado, na maioria das vezes, em festas (43,8%); mas também com amigos (17,8%); no mercado, loja ou bares (14,4%) e 9,4% relatam ter conseguido a bebida com familiares. Sobre drogas ilícitas, 4,2% dos entrevistados informaram ter feito uso nos 30 dias anteriores à pesquisa, sendo que entre os meninos (4,7%) o indício de uso regular é mais frequente que entre as meninas (3,7%). Em relação à maconha, 4,1% dos estudantes dizem ter fumado nos últimos 30 dias antes de responderem à consulta.

PT realiza operação para conseguir abstenções e evitar inabilitação de Dilma

PT realiza operação para conseguir abstenções e evitar inabilitação de Dilma
Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil
Diante do encaminhamento esperado para o julgamento do impeachment da presidente Dilma Rousseff, o PT organizou uma operação em duas frentes para reduzir eventual derrota. Segundo informações da coluna Painel, do jornal Folha de S. Paulo, o partido fala em duas votações no plenário, sendo uma sobre a condenação e a outra sobre a inabilitação de Dilma para o serviço público. A ideia é minimizar os reflexos na biografia da petista de uma possível perda do mandato. Com isso, a legenda procura os senadores considerados volúveis para que se abstenham na votação. A abstenção também é benéfica para a presidente, já que a condenação só acontece com a reunião de ao menos 54 votos a favor do afastamento definitivo.

Xanddy encerra 'Harmonia das Antigas' e celebra sucesso: 'Estamos mais do que felizes'

Xanddy encerra 'Harmonia das Antigas' e celebra sucesso: 'Estamos mais do que felizes'
Foto: Júnior Improta / Ag Haack / Bahia Notícias
Uma ideia vinda do 'mestre' Bimba, baixista do Harmonia do Samba, que se tornou uma das festas mais bem sucedidas dos últimos meses em Salvador. O "Harmonia das Antigas" realiza sua última edição, neste domingo (28), às 17h, no Clube Espanhol e, assim como nas duas primeiras edições, está com os ingressos esgotados. De acordo com Xanddy, a ideia deu tão certo que a banda pensa em levar para outras cidades.

Bahia desperdiça R$ 6 milhões com mais de 100 tipos de medicamentos vencidos

Bahia desperdiça R$ 6 milhões com mais de 100 tipos de medicamentos vencidos
Foto: Getty Images
A Central Farmacêutica do Estado da Bahia (Cefarba), órgão vinculado à Secretaria da Saúde da Bahia (Sesab), gerou um prejuízo de mais de R$ 6 milhões após o prazo de validade de pelo menos cem tipos de medicamentos expirar. Foram perdidos remédios usados no tratamento de doenças como pneumonia, malária, diabetes, trombose, hepatites B e C, Alzheimer, Chagas, esclerose, osteoporose, câncer, esquizofrenia, hipertensão e Aids. Clique aqui e leia esta e outras matérias na coluna Saúde!

Procuradoria abre inquérito para investigar Feliciano por suspeita de estupro

Procuradoria abre inquérito para investigar Feliciano por suspeita de estupro
Foto: Zeca Ribeiro / Câmara dos Deputados
A Procuradoria-Geral da República (PGR) pediu a abertura de inquérito contra o deputado Marco Feliciano (PSC-SP), para apurar suspeita de abuso sexual. O pedido atende requerimento feito pela Delegacia Especial de Atendimento à Mulher da Polícia Civil do Distrito Federal e se refere à denúncia da jornalista Patrícia Lélis, de 22 anos, que afirmou ter sofrido tentativa de estupro, assédio sexual e agressão pelo deputado Marco Feliciano (PSC-SP). Além de acusar Feliciano, a jovem afirmou à polícia que foi mantida sob coação e ameaça pelo chefe de gabinete de Feliciano, Talma Bauer, na semana em que esteve em São Paulo - entre 30 de julho e 5 de agosto -, porque pretendia denunciar o deputado do PSC. Feliciano jáé alvo de inquérito no Supremo Tribunal Federal (STF) envolvendo a contratação de cinco pastores pelo seu gabinete que não estariam cumprindo as suas funções. O processo corre no STF por conta do deputado contar com foro privilegiado.

Filho de Bolsonaro passa mal em debate; Jandira é impedida de socorrer

 Filho de Bolsonaro passa mal em debate; Jandira é impedida de socorrer
Candidato do PSC à prefeitura do Rio de Janeiro, Flávio Bolsonaro (RJ), passou mal durante o segundo bloco do debate realizado na noite desta quinta-feira (25) na TV Band Rio. Em seu momento de responder a uma pergunta, ele começou a tremer e oscilar, sendo segurado pelos concorrentes Jandira Feghali (PCdoB) e Carlos Osório (PSDB). Após perceber que Flávio passava mal, o apresentador encerrou o bloco e chamou os comerciais. Segundo informações do jornal Extra, Jandira, que é médica, chegou a tentar socorrê-lo, mas foi impedida pelo pai do postulante, o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-Rio), seu adversário político. “Flávio Bolsonaro acaba de passar mal no debate. Como médica tentei socorre-lo, mas o pai negou. A que ponto chegamos. #DebateBandRio”, postou a comunista em sua conta no Twitter. Na volta do intervalo, a deputada relatou aos telespectadores o que ocorreu. "Não gostaria de terminar essa resposta sem denunciar o que aconteceu no intervalo", disse Jandira. "O deputado Flavio Bolsonaro passou mal e eu me ofereci como médica para ajudá-lo. Mas o pai dele, Jair Bolsonaro, disse que ele não precisava dos meus cuidados". A Band informou em seu perfil no Facebook que Flávio não retornaria após ter passado mal. Presente no debate, a colunista do Extra, Berenica Seara, publicou em seu perfil no Twitter o que ocorreu durante os bastidores. “Bate-boca no palco. "Isso é distúrbio", disse @jandira_feghali a @jairbolsonaro, que impediu o atendimento de @FlavioBolsonaro”, citou. “ ‘Ela vai dar estricnina para o meu filho’, disse @jairbolsonaro, ao impedir @jandira_feghali de atender @FlavioBolsonaro. #DebateBandRio’, relatou Berenice em outro tweet.  " ‘Fascista, réu por estupro’, reagiu @jandira_feghali, quando @jairbolsonaro a impediu de atender @FlavioBolsonaro. #DebateBandRio”. Veja o momento em que Flávio Bolsonaro passou mal durante o debate: 

Bahia é estado com mais negros mortos por armas de fogo

Bahia é estado com mais negros mortos por armas de fogo
A Bahia é o estado em que mais negros morreram vítimas de armas de fogo durante 2014. Segundo dados do Mapa da Violência 2016, entre as pessoas assassinadas em cidades baianas ao longo daquele ano, 3.999 eram negras e 289 eram brancas. Isso significa que para cada pessoa branca assassinada, quase 14 negros foram vitimados por armas de fogo. Em números absolutos, o estado está bem à frente do segundo colocado, o Rio de Janeiro, em que 2.512 negros foram assassinados. Em terceiro lugar, aparece Minas Gerais, com 2.471. O Mapa da Violência é um relatório produzido anualmente com diferentes temas relacionados à segurança pública. Na edição de 2016, foram analisados os homicídios por arma de fogo no país, classificando dados por regiões, sexo, idade e cor das vítimas. As informações foram comparadas às obtidas em 2003 pelo mesmo estudo. O levantamento aponta que, em onze anos, o número de negros mortos cresceu 320%, enquanto o de brancos cresceu 250%: em 2003, foram 1241 e 114 assassinatos, respectivamente. No caso da taxa de morte de negros a cada 100 mil habitantes, a Bahia ocupa o 9º lugar entre os estados, com 33,3. Em primeiro lugar aparece Alagoas, em que o número chega a 71,7. Dentre as 27 unidades federativas, em apenas três se mata mais brancos do que negros: Tocantins, Acre e Paraná. Para o coordenador-geral do Coletivo de Entidades Negras (CEN), Marcos Rezende, os números do mapa são “resultado de uma política equivocada de segurança pública, baseada na defesa do patrimônio e não na garantia de direitos das pessoas”. “Quando se abre mão de direitos garantidos pela Constituição para trabalhar apenas no campo do patrimônio, do tráfico, do roubo, se cria uma perspectiva em que aqueles que são mais poderosos precisam de proteção maior. E no país que foi o último a abolir a escravidão, isso significa os brancos, que foram os que mais lucraram com os corpos negros”, avalia o historiador. Para Rezende, a sociedade atual ainda reflete essa realidade racista em que, em comparação com a história, é preciso “proteger os brancos dos negros libertos”. “Onde estão as bases comunitárias? Nos bairros negros e periféricos, para a vigia desses corpos negros, de como sai e como volta, quais linhas de ônibus representam riscos, quem são os agentes que podem morrer”, compara. “Pensa que só morre negros de periferia? E os policiais negros? A vida desses policiais também é menos importante”, lamenta. Para o coordenador do CEN, é preciso modificar o debate de segurança pública, como por exemplo deixar de combater o tráfico na sua “ponta” e buscar os responsáveis pela distribuição das drogas. “Encontram um helicóptero de senador da República com 445 quilos de cocaína e ninguém é investigado. Mas jovem com 20 trouxinhas de maconha vira traficante. Há um encarceramento do povo negro, mas o povo branco é tratado caso a caso. Existe justiça por conveniência. [...] Isso tudo só vai mudar se houver mudança de comportamento da política”, criticou

Pesquise no Blog

Carregando...
 
Designed by Diogo.Designer